Agência de Marketing Digital | Araraquara - SP - Brasil

(16) 3357 3801 contato@priorart.com.br

Como moldar uma personalidade carismática nas redes sociais?

Share

Como moldar uma personalidade carismática nas redes sociais?O ponto chave para que uma marca tenha um bom desempenho nas redes sociais é sua personalidade.

Se uma marca tiver uma personalidade carismática na “REDE”, então ela será um sucesso entre os usuários da “REDE”.

Mas, como moldar uma personalidade carismática na  REDE?

O carisma está ligado diretamente à forma de uma pessoa ser e  agir, e nas redes sociais isso não é diferente.

Para se obter o melhor resultado nas campanhas em redes sociais, se faz sumariamente importante diagnosticar e compreender as ações chaves dos diferentes ambientes e redes virtuais, para que possamos definir uma estratégia de atuação e comunicação de marketing de redes sociais coerente, integrada, funcional e mensurável.

Neste artigo, falaremos apenas sobre o Facebook e o Twitter, os dois ambientes mais populares da Internet. Futuramente também falaremos mais sobre outros canais, como YouTube, Pinterest, Google+, Instagram e LinkedIn.

 

O Facebook, entre outras estratégias, se apoia no tripé

Curtir – Compartilhar – Comentar

Nesse sentido, os internautas irão “perceber” a personalidade de uma empresa dentro do Facebook, basicamente, pela maneira como esta curte – compartilha – comenta.

Em outras palavras, os usuários não está olhando apenas para a comunicação institucional da empresa (que também é importante, mas está mais relacionado a Marketing de Conteúdo, que analisaremos em outro tópico). Eles estão atentos sobretudo ao comportamento social da empresa dentro da rede, o que ela curte, comparte, e comenta. E eles estão olhando para isso, justamente com a possibilidade de poderem curtir, compartilhar e comentar essas curtidas – compartilhamentos – comentários bacanas da empresa, com sua rede, e assim por diante, como em uma espiral sem fim.

 

O Twitter, um outro exemplo célebre, é na realidade um microblog para:

Seguir – Tweetar – Retweetar – Ser Seguido.

Como moldar uma personalidade carismática nas redes sociais?

Quantas vezes uma pessoa ou empresa começa um blog, mas o abandona por falta de tempo e/ou pessoal capacitado para postar as novidades? Boa parte dos blogs corporativos param de postar por falta de tempo para criar textos longos.

Com o advento da Web 2.0, um novo tipo de serviço surgiu, os chamados microblogs, que nada mais são do que blogs com postagens curtas, que em sua maioria não ultrapassam os 200 caracteres. A ideia do microblog teve início em Julho de 2006 e o pioneiro foi justamente o Twitter, hoje um dos mais famosos serviços do gênero. Mesmo com a correria do dia-a-dia, celebridades e empresários de destaque abriram uma conta no Twitter e iniciaram seus microblogs, e os mantém sempre atualizados, pois escrever e postar as mensagens não leva mais do que três minutos.

É importante ressaltar que o Twitter , assim como outras ferramentas sociais, oferece ferramentas de integração com outras ferramentas, como por exemplo o Facebook. Neste sentido, pode ser utilizado como uma espécie de “plugin” para postagens curtas” no mural do Facebook.

Além dessas ferramentas, outras também podem ser interligadas e incorporadas como um mix de ferramentas, tais como (Vídeos)YouTube, (Artigos-Notícias)WordPress, (Fotos)Pinterest e (Rede de profissionais) LinkedIn. O importante é que todas estas ferramentas estejam interligadas no sentido de que um curtir ou comentário no YouTube apareça também no Facebook. Essa integração deve ser feita de maneira inteligente e em cooperação entre o Marketing e T.I., já que será necessária uma amarração lógica que deverá ser operacionalizada respeitando os conceitos de T.I.

Não podemos nos esquecer no entanto, que além de oferecer uma ferramenta eficiente e integrável de postagens, o sucesso do Twitter está diretamente ligado ao fato de que este é também uma fantástica REDE Social, facilitando na “distribuição” dessas postagens. Nesse sentido, temos que tratar o Twitter com a mesma estratégia utilizada nas REDES sociais, traçando uma linha de comportamento que possa criar uma  imagem positiva e uma “personalidade carismática”, que neste caso, será percebida pela maneira com que a empresa segue, tweeta, retweeta, e é seguida.

Deixe uma resposta

Menu
MENU